Por Em Em 13 setembro, 2017

5 dicas para melhorar a retenção de público em seus vídeos

Muita gente não sabe, mas para além do número de visualizações, prender a atenção do espectador é a melhor forma de engajar e fazer com que seu conteúdo realmente deslanche. Por isso a retenção de público é tão importante para quem trabalha com vídeos.

Você já deve ter percebido que o mercado dos vídeos online faz parte de um terreno muito fértil no meio digital. Apesar das grandes oportunidades, trabalhar com seu conteúdo exige dedicação e estudo para poder aproveitar ao máximo tudo que essa área pode oferecer.

Por esse motivo, se você está pensando em investir em seu conteúdo em vídeo e começar um negócio digital, precisa aprender tudo sobre retenção de público. Já ouviu falar? Ainda não? Nesse artigo você vai entender o que é e, mais importante ainda, como otimizar a retenção de público nos seus vídeos.

E se você quer começar a lucar com seus vídeos sem precisar de um número exorbitante de visualizações, que tal conhecer a plataforma Samba Play? Com ela você começa a ganhar dinheiro com seu conteúdo em vídeo agora mesmo. Clique aqui e faça um Tour!

samba play alternativa ao youtube

O que é retenção de público?

Para entendermos melhor o que é isso, vamos pensar na seguinte analogia: Imagine que você vai para uma aula disposto a aprender, mas após 5 minutos já está completamente desinteressado no que o professor está falando. Por mais que você responda a chamada e ganhe a presença naquele momento, não aprendeu muito de fato, certo? Isso aconteceu pois, provavelmente, o professor não conseguiu segurar a atenção dos alunos de maneira efetiva. O mesmo acontece com conteúdos em vídeo.

Se uma pessoa clica para assistir ao vídeo, o número de visualizações aumenta, mesmo que essa pessoa o feche após 1 segundo. É aí que entra a taxa de retenção. Essa taxa mede quanto tempo as pessoas, de fato, assistiram ao vídeo. Com isso, você pode analisar exatamente qual a porcentagem de pessoas que chegaram até o final do vídeo, qual ponto do vídeo está perdendo mais audiência, quanto tempo, em média, as pessoas assistem ao conteúdo e muitas outras informações importantes.

retencao de publico

Por que é importante?

Hoje em dia, a retenção de público, no caso dos vídeos online, conta muito mais para fatores de rankeamento e SEO do que o número de visualizações. Ferramentas de busca – como o Google – querem saber se o conteúdo que você propõe é, de fato, relevante para quem está procurando. Então, se você possui um vídeo com menos visualizações, mas uma taxa de retenção maior, tem muito mais chance de aparecer entre os primeiros resultados da busca sobre um determinado assunto.

Ou seja, quanto maior a retenção, maior a relevância do seu conteúdo! Mas não se preocupe, como indicado no gif acima, a taxa de retenção de um vídeo dificilmente ficaria como uma linha reta – ou mais dificilmente ainda, uma linha crescente. Até certo ponto, o público desistir de um vídeo antes do final é natural. O problema acontece quando a taxa de retenção está muito baixa.

Para te ajudar a melhorar essa taxa do seu conteúdo, confira as 5 dicas que preparamos que vão te ajudar na hora de trabalhar com os vídeos. Antes disso, vamos pensar um pouco sobre a distribuição do conteúdo no seu vídeo.

Pense nas partes do vídeo

Introdução

A introdução é a parte mais importante para manter a retenção de público alta. É logo no início que a pessoa vai decidir se ela vai assistir esse conteúdo ou não. Por isso é tão importante conquistar sua audiência logo de cara! Se o público está fechando o vídeo com poucos segundos, provavelmente a introdução não está interessante o suficiente para mantê-lo atento. Por isso é tão importante caprichar na introdução para aumentar a retenção de público do seu vídeo.

Uma boa dica para fazer exatamente isto é deixar o público curioso. Fale brevemente tudo que você planejou para o restante do vídeo de forma a deixar o público com “gostinho de quero mais” 😋

Aposte também no visual da introdução, na música de fundo e até em uma vinheta. Um conteúdo visualmente atrativo também ajuda a manter o público interessado no que você tem a apresentar.

O corpo do vídeo

É aqui que realmente começa a apresentação do conteúdo. Se a pessoa chegou até aqui, provavelmente viu pela introdução que esse é um vídeo que a interessa. Não deixe a peteca cair! A forma como você apresenta o conteúdo no vídeo tem tudo a ver com a retenção da atenção do público. Pense sempre na moderação e fuja de excessos! Confira algumas dicas de como turbinar o corpo do seu vídeo e manter o público atento.

  • Seja engraçado, mas não exagere: O humor é uma ótima ferramenta para prender a atenção, mas piadas demais acabam ficando sem graça, não é? Utilize exemplos engraçados e piadas para interagir com o público, assim elas vão ter mais interesse no que você está falando. Em contrapartida, evite excesso de piadas, bordões e frases de efeito, pois você pode acabar saturando o público e causando o efeito contrário do desejado.
  • Utilize B-Rolls: Você sabe o que é b-roll? Eles são aqueles cortes nos quais aparecem conteúdos visuais – animações, gráficos, fotos, conteúdo externo etc – entre as cenas principais do vídeo. Eles agregam muito valor à produção e deixam o vídeo mais dinâmico e interativo. Pense só, um vídeo no qual aparece apenas uma pessoa falando com a câmera o tempo todo parece bem mais cansativo do que um que apresenta fotos, cortes bem planejados e diversidade de material visual, certo? Mas lembre-se novamente: fuja do excesso! O b-roll também deve ser planejado e deve fluir naturalmente com o assunto do vídeo. Faça com que apareça espontaneamente, caso contrário, fará com que o vídeo fique sem nexo e desinteressante.
  • Energia! Uma boa forma de manter as pessoas interessadas é você se mostrar interessado também! Pode parecer estranho, mas uma prática comum na produção de vídeos é falar, gesticular e se apresentar com energia em dobro. Pode parecer estranho de início, mas lembre-se que ao interagir via vídeo você deve suprir uma falta de interação face-a-face. Ou seja, normalmente você não conversaria com alguém com energia dobrada, falando mais alto e gesticulando muito, mas isso é uma prática recomendada para vídeos. Um vídeo não pode ficar monótono nunca!

Para gerar ainda mais engajamento com seus vídeos online, conheça nosso infográfico com 18 ideias para você aplicar e dobrar o engajamento em seu conteúdo!

Fechamento do vídeo

Agora é hora de encerrar seu vídeo. Nessa parte, é normal perder um pouco a retenção de público, pois se a pessoa já encontrou a resposta que ela estava procurando no vídeo, ela pode fechar sem chegar ao fim. Aproveite esse momento para fazer ganchos para outros conteúdos seus. Encoraje o público a assistir outros vídeos, deixar comentários, sugestões e dúvidas. Assim, vocÊ aumenta a taxa de retenção não só do vídeo, mas como do seu canal em geral e ainda solidifica sua presença digital criando uma identidade.

Dica: Você pode criar playlists de vídeos relacionados ao assunto ou deixar links para outros conteúdos semelhantes que você já gravou. O fato das pessoas passarem mais tempo em seu canal, blog ou site também contam – e muito! – para fatores de rankeamento e SEO.

5 dicas para otimizar a retenção de público

Conteúdo interessante

É aqui que tudo começa! Pode até parecer óbvio, mas é bom lembrar a importância do seu conteúdo despertar o interesse das pessoas. Um vídeo com o conteúdo desinteressante vai ter muito mais dificuldade em prender a atenção de alguém do que um vídeo inovador e interessante, não é?

Pense em assuntos que você domina, técnicas novas que pode ensinar, curiosidades e muitas outras coisas. Faça algo que você gostaria de ver!

Este já é o primeiro passo para cativar a audiência durante todo o vídeo. Depois que você já decidiu o conteúdo, está na hora de pensar em como vai apresentá-lo.

Conteúdo de Qualidade

Não só interessante, seu conteúdo precisa ser bem gravado. Qualidade é essencial! Se o áudio estiver ruim, a imagem escura ou desfocada, o cenário desinteressante, a chance das pessoas desistirem de assistir é muito grande.

A qualidade do seu vídeo começa no material! Uma boa câmera, um bom microfone e uma boa iluminação são investimentos de extrema importância para quem quer trabalhar com conteúdo audiovisual.

Faça vídeos menores e focados no propósito

Seja conciso! Isso é um fator muito importante para manter a audiência ligada em seu conteúdo. Grande parte das desistências acontece quando começam as divagações. Se em uma aula presencial já perdemos a atenção quando o professor começa a falar sobre outros assuntos, imagina em um vídeo? Além disso, a taxa de desistências se mostra maior em vídeos maiores. Para driblar isso: Foco!

Para evitar devaneios desnecessários, faça um planejamento. Antes de gravar, elabore um roteiro. Essa é a melhor forma de garantir que você falará apenas o relevante. Além disso, com o roteiro, você pode já planejar onde colocará os b-rolls, as pausas na fala e já começar a planejar a edição!

Não engane o público

Você se lembra do que falamos sobre a taxa de retenção ser muito mais relevante do que o número de visualizações? Pois é! Clickbaits com títulos falsos e thumbnails mentirosos para aumentar número de clicks, hoje, de nada contribuem para a visibilidade do seu vídeo e do seu canal. Por isso, seja o mais verdadeiro possível na descrição do seu conteúdo. Se as pessoas perceberem que o conteúdo não condiz com o prometido, irão fechar o vídeo imediatamente, fazendo com que a taxa de retenção seja baixíssima.

A ideia é nunca prometer o que você não pode cumprir! Utilize o título e a descrição do vídeo para especificar o que vai ser tratado no vídeo de forma a deixar o público curioso para assistir.

Um exemplo, caso esteja gravando um vídeo de dicas para músicos, um bom título seria “5 dicas para aprender a tocar violão”. Na descrição você poderia colocar “nesse vídeo iremos explorar 5 dicas básicas para quem está querendo aprender a tocar violão”. Pronto! Título e descrição claros, que instigam a curiosidade e cumprem o que prometem! Resultados bons na certa!

Capriche na edição

Para amarrar tudo que você fez durante a produção, capriche nas edições! É na hora da edição que você vai deixar seu conteúdo conciso, cortar os erros e adicionar os conteúdos extras – os b-rolls que falamos lá em cima.

Mas não se preocupe! O processo de edição, apesar de parecer muito complexo, não precisa ser! Existe toda uma variedade de softwares que são fáceis de mexer e podem agregar muito valor ao seu vídeo. Um vídeo visualmente interessante já é um vídeo prontinho para manter a audiência focada!

Dica bônus

Estude sua taxa de retenção! Entender exatamente em qual momento ela caiu, subiu ou teve variações drásticas é a melhor forma de saber o que precisa ser melhorado e o que você deve continuar fazendo. Pode ser complicado no início, mas com tempo você pega jeito. À medida que você entende mais sobre ela, fica mais fácil saber como utilizar ao seu favor! 🙂

Depois de aplicar essas técnicas, é só se preparar para o sucesso!

Para te ajudar ainda mais, a Samba preparou o Guia para ensinar usando humor de forma efetiva. Com certeza esse material vai te ajudar – e muito – com a retenção de público e o sucesso dos seus vídeos. Baixe gratuitamente clicando aqui ou na imagem abaixo!

curso online atrativo

Contribua com este post nos comentários

Assine e receba todas as novidades sobre vídeos online em seu email.