• Blog
  • >
  • Empreendedorismo
  • Gestão de mudanças: o que é e como aplicar de forma eficiente em sua empresa

Gestão de mudanças: o que é e como aplicar de forma eficiente em sua empresa

Gestão de mudanças: o que é e como aplicar de forma eficiente em sua empresa

Você já deve ter ouvido falar da famosa “zona de conforto”, aquela situação confortável que nos impede de mudar e de evoluir. Isso acontece porque mudanças, sejam elas pessoais ou no trabalho, não costumam ser fáceis pois temos medo do desconhecido. 

Por outro lado, vivemos em uma sociedade que se atualiza rapidamente, novas tecnologias surgem e o próprio mercado começa a exigir que os profissionais e que as empresas façam da mudança um hábito. 

Dentro de uma organização, é necessário que as transformações aconteçam rapidamente, mas com qualidade para que os resultados não sejam prejudicados. A gestão de mudanças trabalha exatamente nesse ponto.

Neste texto vamos conhecer mais sobre o tema gestão de mudanças. Conheça as vantagens desse tipo de gestão, além de dicas e ferramentas para que a sua empresa seja ainda mais eficiente quando o assunto for mudanças. 

Antes de continuar neste artigo, confira algumas tendências para 2021, elas podem ajudar no processo de tomada de decisão para a gestão de mudanças da sua empresa. 

O Tendências 2021 é um compilado de vídeos com as principais previsões em tecnologia e vídeos online para este ano, por mais de 30 especialistas. Clique aqui para acessar gratuitamente.

O que é gestão de mudanças? 

A gestão de mudanças é um tipo de gestão que se utiliza de processos bem definidos e se apoia em um conjunto de ferramentas para liderar profissionais, capacitando-os a atingir os objetivos que o negócio deseja por meio de mudanças. 

É possível trabalhar a gestão de mudanças em várias instâncias dentro de uma organização, desde os profissionais com cargos iniciais, passando pelos gestores, as lideranças e até mesmo a diretoria. Cada um dos profissionais que formam o corpo de funcionários possui um papel ativo de mudança dentro da empresa e isso deve ser valorizado nesse tipo de gestão. 

Qual a importância da gestão de mudanças? 

O principal objetivo da gestão de mudanças é aumentar as chances que projetos de mudança dentro das organizações tenham de serem bem-sucedidos. A ideia é realizar ações que causem menos impacto nos colaboradores, mas ao mesmo tempo consigam gerar um maior retorno sobre o que foi investido

É preciso pensar na palavra “mudança” como melhorias para a empresa, desta forma, a gestão de mudanças modifica a forma que o trabalho é realizado, para trazer melhorias para a organização. 

Quando uma empresa decide aplicar determinada mudança, é preciso analisar os impactos que a alteração fará em alguns aspectos, como: 

  • Os processos dentro da empresa, 
  • Os sistemas utilizados,
  • A estrutura organizacional,
  • As ferramentas de trabalho disponibilizadas,
  • As funções de trabalho dentro da organização;
  • As análises para avaliar a performance, 
  • A remuneração dos colaboradores
  • e os comportamentos que serão causados pela mudança.

Quando uma empresa opta por realizar uma mudança, ela afetará um ou mais dos aspectos listados acima em maior ou menor impacto. Além disso, ao realizar mudanças muito significativas, pode ser recomendável realizar treinamentos internos para que os colaboradores se adaptem melhor a essas modificações. 

Se você ainda não tem um controle de treinamentos corporativos, aproveite para baixar no nosso template gratuitamente, basta clicar aqui ou na imagem abaixo.

Quando a gestão de mudanças acontece? 

Comumente uma mudança acontece quando a organização recebe estímulos internos ou externos, que mostram problemas que precisam ser resolvidos ou oportunidades que podem ser aproveitadas. Sendo assim, a mudança acontece como uma forma de reação, seja porque a empresa recebeu uma reclamação sobre algo ou porque percebeu que há um novo pedaço do mercado para explorar, por exemplo. 

Aqui é importante salientar que vontades como a de se tornar mais competitiva frente aos concorrentes, ou quem sabe aumentar a participação de mercado, produzir produtos mais criativos ou mesmo atender melhor o cliente, devem deixar de ser desejos para se tornar objetivos e metas bem definidos, que sejam capazes de prever impactos reais dentro da empresa. 

Por todos os impactos que uma mudança pode causar dentro de uma organização, é importante refletir sobre essas modificações de forma organizada, e é para isso que a gestão de mudanças existe. 

Como a gestão de mudanças pode ser positiva para uma empresa? 

No começo do artigo falamos sobre o constante processo de atualização que vivemos atualmente. Novos produtos surgem diariamente, novas tecnologias são implementadas e novos aprendizados são necessários para saber lidar com todas as novidades que aparecem. 

Com um mundo cheio de mudanças o tempo todo, é muito importante que as organizações aceitem o desafio de empreender nessas circunstâncias. Mudar sempre foi e sempre será um grande desafio, desde a mudança mais pequena, como trocar um móvel de lugar, até aquela mudança que parece ser muito grandiosa, como abrir uma filial em outro país! 

Para as empresas, é preciso que o pensamento da gestão de mudanças seja uma realidade. Quanto mais rápido forem as mudanças, mais rápidos são os erros, mais rápidas serão as correções e, por conseguinte, os acertos virão mais rapidamente também. Quanto mais resultados forem colhidos das ágeis mudanças, mais material a organização terá para atingir seus objetivos de forma eficiente. 

Com uma boa gestão de mudanças, a probabilidade dos projetos atingirem seus objetivos aumenta. Além disso, a gestão de mudanças influencia na aderência dos projetos pela organização, na participação dos colaboradores, na produtividade dos profissionais, no cumprimento do cronograma e na adequação ao orçamento. 

Por meio de todos esses benefícios, é possível perceber a capacidade da gestão de mudanças em gerar um retorno positivo sobre o que foi investido. 

Conclusão 

Mudar pode dar medo, mas é preciso! 

Em um mercado cada vez mais competitivo, mudar é a chave para que uma empresa esteja sempre atualizada e permaneça em evidência. Além disso, todas as pessoas envolvidas dentro de uma organização podem tirar resultados positivos das mudanças: metas batidas, mais vendas, mais lucratividade, aumento de salários, maior valorização dos profissionais e muito mais. 

É necessário refletir sobre o papel que cada pessoa tem no processo de mudança de uma organização. As lideranças devem saber claramente quais são os seus papéis e com isso incentivar os seus liderados a participarem ativamente do processo. Quando cada profissional sabe a sua responsabilidade e o seu dever dentro de uma causa conjunta, todos se sentem importantes e partes indispensáveis. 

Se você chegou até aqui, já deve ter percebido que a gestão de mudanças deixou de ser um diferencial, para ser uma necessidade. Organizações que exercem diariamente a gestão de mudanças são organizações com maior tendência a prosperar.

Nos tempos atuais, a tecnologia e os processos de inovação são grandes aliados para aplicar a gestão de mudanças em uma organização. 

Aproveite para conhecer a Samba Digital, a unidade de negócio da Sambatech, focada em transformação digital. Clique aqui ou no banner abaixo

Por tudo o que mostramos neste artigo e por todo o conhecimento sobre o assunto que você possui, não se esqueça de aplicar a gestão de mudanças no dia a dia da sua empresa para conseguir resultados cada vez melhores!

Por: Sambatech

A Sambatech é uma das empresas mais inovadoras do mundo, segundo a Fast Company, e é referência no mercado de vídeos online. Nossa empresa garante infraestrutura de alta qualidade para venda, distribuição, gerenciamento e armazenamento de vídeos e ajuda pessoas e empresas a terem mais sucesso, independentemente do seu objetivo.

Contribua com este post nos comentários