Como romper as barreiras da comunicação em empresas e ter melhores resultados

Boas práticas de comunicação empresarial são essenciais para a saúde e longevidade de um negócio.  Uma boa comunicação faz com que todas as áreas de uma empresa trabalhem juntas para um mesmo ideal e alcancem resultados expressivos. No ambiente corporativo, algumas práticas nocivas podem criar barreiras da comunicação dentro da sua empresa e atrapalhar suas operações, impactando diretamente nos seus resultados.

Para evitar que isso ocorra, é importante adotar boas estratégias que façam com que as barreiras da comunicação sejam quebradas e as informações importantes circulem de forma saudável. Confira nesse artigo algumas das principais barreiras da comunicação e empresas e veja dicas para romper com elas e alcançar melhores resultados. Não deixe que os ruídos de comunicação ameacem a saúde do seu negócio.

Para te ajudar a começar a pensar sobre uma estratégia de comunicação interna que elimine as barreiras de comunicação, você pode baixar esse guia gratuito e aprender um pouco mais sobre o assunto. Vamos lá?

Comunicacao interna para quebrar barreiras da comunicacao

Barreiras da comunicação

Em um diálogo entre duas pessoas, por exemplo, é normal existir mal entendidos, falhas na comunicação e outros empecilhos que impedem que o objetivo dessa comunicação seja alcançado. Se isso já acontece em conversas entre duas pessoas, imagine dezenas ou até centenas delas? Barreiras da comunicação, infelizmente, são comuns e afetam diretamente os resultados da sua empresa e você pode nem imaginar que elas estejam presentes na sua organização.

Por isso, talvez está na hora de pensar nesse aspecto dentro de sua empresa e analisar se a comunicação flui de forma correta, livre e aberta entre todos os colaboradores, independentemente do nível hierárquico deles.

Existem vários motivos para a existência de barreiras da comunicação e várias práticas que as causam, então, o importante para começar a reverter esse cenário é realmente parar, analisar os resultados, processos, conversar com colaboradores, realizar pesquisas, etc. Dessa forma, é possível ter uma visão um pouco mais ampla da situação e criar medidas efetivas para derrubar as barreiras da comunicação na sua empresa.

Confira algumas barreiras da comunicação mais comuns e veja como derrubá-las para alcançar resultados mais expressivos!

Hierarquia

O mundo corporativo, até hoje, é bastante tradicional, certo? Uma hierarquia rígida e a departamentalização excessiva podem fazer com que as informações não circulem entre toda a empresa, ficando presas dentro de cada departamento. Isso pode, em um primeiro momento, parecer inofensivo, mas a falta de conhecimento do que acontece em outras áreas atrapalha o entendimento da estratégia da empresa como um todo por parte dos colaboradores.

A estrutura excessivamente hierarquizada cria uma barreira da comunicação pois instaura na cultura da empresa a ideia de que apenas os que ocupam cargos mais altos estão aptos a dar soluções e realmente impactar na rotina da empresa. Isso pode, inclusive, desmotivar demais funcionários de compartilharem suas ideias e soluções. Com certeza a empresa perde – e muito – com esse cenário.

Como derrubar?

Derrubar barreiras da comunicação provenientes da hierarquia pode ser complicado, então, o ideal é começar de cima para baixo. Gestores e líderes devem sempre estar dispostos a ouvir e incentivar a participação de todos os funcionários, tanto solicitando feedback, estimulando autonomia quanto repassando informações importantes para todos os níveis. A ideia é ser o mais transparente possível, em todos os níveis organizacionais.

E no espaço físico do seu escritório, você já pensou? Um outro aspecto que pode ajudar bastante na derrubada das barreiras hierárquicas é evitar, literalmente, barreiras físicas entre pessoas de cargos diferentes. Em lugares bastante tradicionais, chefes ficam dentro de salas fechadas, passando uma impressão de inacessibilidade. Se você investir em um escritório aberto, no qual pessoas e informações podem circular livremente e exista a facilidade de chegar até alguém, dar uma ideia, pedir um feedback entre outras coisas, com certeza as barreiras da comunicação irão diminuir! Assim, todos os colaboradores sentem que fazem parte daquilo e participam ativamente da rotina da empresa.

Quanto maior o engajamento, melhor os resultados!

Geográfica

Às vezes a sua companhia trabalha e mais de uma localização, possui escritórios em partes diferentes da cidade ou até mesmo em outras cidades e estados. Mas ainda que em localidades distintas, todos os escritórios precisam estar alinhados da mesma forma e dentro do mesmo discurso, certo? Até hoje, infelizmente, a barreira de localidade ainda é uma das grandes barreiras da comunicação interna.

Ela pode gerar erros, mal entendidos e, algo talvez ainda mais grave no contexto corporativo, demora na tomada de decisões que precisam ser feitas rapidamente.

Como derrubar?

Um dos principais aliados na hora de derrubar as barreiras da comunicação no mundo corporativo é a tecnologia. No caso das barreiras geográficas, a utilização de vídeos pode ser a melhor estratégia.

Os vídeos, no contexto corporativo, podem ser utilizados de diversas maneiras para informar e engajar colaboradores em qualquer localidade, de maneira fácil, dinâmica e econômica. Por exemplo, você já pensou em uma TV corporativa?

A TV corporativa é uma forma excelente de deixar os funcionários a par de tudo de relevante que está acontecendo na empresa, em qualquer localidade. É possível, por exemplo, utilizá-la como mural de avisos, ou solicitar que cada setor – ou cada local – crie conteúdos relevantes sobre o que está acontecendo por lá, de forma a informar as outras áreas das ações importantes. E o próprio conceito de TV corporativa também evoluiu bastante com o avanço da tecnologia. Por exemplo, é possível criar um canal de vídeos corporativo, para além do aparelho de tv. Assim, cada colaborador pode acessar do seu próprio computador, na hora que quiser.

Esse canal ainda pode ser usado para treinamentos corporativos, diminuindo ainda mais as barreiras. A utilização de vídeos tanto na comunicação interna quanto na educação corporativa faz com que as informações circulem de forma mais rápida e mais econômica. Pense só, toda vez que um novo funcionário entra ele precisa receber treinamento específico, certo? Então, em vez de deslocar as pessoas especialistas para ministrar os treinamentos em todas as localidades, você pode gravar videoaulas de treinamento e colocá-las no canal corporativo. Isso ajuda a diminuir os gastos com transporte, alimentação, aluguel de espaços e muito mais.

O importante aqui é pensar que, como os vídeos contêm informações importantes da empresa e que muitas delas podem ser sigilosas, é necessário investir em uma plataforma profissional de vídeos, que irá oferecer estabilidade e, sobretudo, segurança. Uma tecnologia anti-pirataria é a melhor forma de garantir que as informações importantes não vazem, impedindo o download dos vídeos ou somente permitindo acesso de pessoas autorizadas, por exemplo.

A Uptime, por exemplo, possui franquias e escritórios espalhados em todo o país. Confira o relato da Uptime Groups sobre como conseguiram quebrar as barreiras geográficas por meio dos vídeos online:

Barreiras interpessoais e falta de engajamento

Muitas vezes existem barreiras da comunicação que não necessariamente partem da empresa, mas ainda assim interferem no dia a dia e nos resultados dela. Por exemplo, barreiras da comunicação de natureza social e interpessoal não são como as barreiras hierárquicas e geográficas, pois partem de fora da organização – a própria lógica social.

Funcionários que sejam de grupos minoritários podem ter medo de compartilhar pensamentos ou até mesmo aspectos da vida por medo de preconceito ou represália, tanto por parte de líderes quanto da própria empresa. Isso leva, novamente, à falta de engajamento e reconhecimento deles com a organização e cria funcionários desmotivados. Tudo isso pode levar a problemas de alto turnover de funcionários, que acarretam não somente perdas financeiras, mas até falta de confiança na sua marca.

Falta de engajamento

A falta de engajamento é uma barreira da comunicação bastante peculiar, afinal, ela pode ser tanto a causa quanto a consequência de problemas no fluxo de informações. Por isso, a falta de engajamento deve ser analisada com bastante atenção e tratada com muita seriedade.

Se os funcionários não estão engajados com a empresa, ou seja, estão desmotivados, desinteressados e não se sentem conectados com ela, provavelmente não terão tanta iniciativa na hora de compartilhar informações relevantes. É exatamente a partir dessa falta de engajamento que surgem os tão negativos “eu esqueci de avisar” ou “não achei que era importante” e isso tudo possui um impacto bastante nocivo na comunicação interna.

Como derrubar?

O ideal para derrubar esse tipo de barreira da comunicação, tanto da falta de engajamento quanto das barreiras interpessoais, é investir em uma excelente cultura empresarial! Você sabe o que ela é?

A cultura da sua empresa é o conjunto de valores e crenças que são compartilhadas por todos os funcionários e também pela própria empresa. Ter uma cultura forte de uma empresa acolhedora, aberta, tolerante e que se importa com os funcionários é o primeiro passo para garantir que todos tenham liberdade para criar, sugerir e se sentir em casa. Isso é extremamente importante para a qualidade do ambiente do trabalho e, consequentemente, colaboradores mais engajados, felizes e, claro, resultados mais expressivos.

E que tal aproveitar também para conferir nosso guia com três formas de fortalecer sua cultura empresarial? Confira clicando aqui ou na imagem abaixo.

Nova call to action

Burocracia excessiva

Todo brasileiro conhece as dificuldades de lidar com processos burocráticos demais, certo? Então, por que permitir que a burocracia excessiva atrapalhe a comunicação interna da sua empresa?

Muito relacionada também às barreiras hierárquicas, a burocracia, sobretudo com canais de comunicação, também impacta a rotina da empresa em questões práticas. Imagine ter que solicitar apoio de algum outro setor e essa resposta demorar dias para chegar. Às vezes, as tomadas de decisão precisam ser rápidas e, por mais que envolvam mais de uma área da empresa, é essencial que não se perca o timing.

Como derrubar?

O ideal é analisar e repensar processos de gestão e como são realizados. Evite canais de comunicação que sejam burocráticos demais, pois eles podem desanimar e desencorajar os colaboradores.

Por exemplo, se algo pode facilmente ser resolvido por um simples e-mail – ou até mesmo conversando pessoalmente-  por que não fazer isso em vez da necessidade de uma solicitação mais formal, como abrir um ticket ou enviar formulários em plataformas específicas? Tudo isso contribui para a fluidez das informações de forma mais rápida e efetiva.

Invista na utilização de canais de comunicação rápida, como o Google Hangouts ou outros messengers instantâneos. Essa cultura da rapidez da troca de informação e de diálogos práticos é facilmente disseminada e pode ser o diferencial para os resultados da sua empresa.


Ter uma boa comunicação interna é essencial para a saúde do seu negócio. Uma boa estratégia em que o fluxo de informações corre com rapidez, facilidade e sobretudo, transparência, é essencial para se derrubar barreiras da comunicação na sua empresa. As barreiras da comunicação podem ser criadas por diversos motivos e ter as mais diversas naturezas, então, é importante entender cada uma delas para criar estratégias efetivas para derrubá-las.

A Stefanini, empresa de soluções em tecnologia, assim como a Uptime Group encontrou nos vídeos online uma excelente solução para a comunicação interna. Confira o relato de como isso impactou positivamente o negócio e inspire-se em outro caso de sucesso:

 Depois de ler esse artigo, aproveite também para baixar nosso conteúdo sobre tecnologia na comunicação corporativa.

tecnologia na comunicacao corporativa

Por: Débora Gomes

Produtora de conteúdo no Blog da Samba, trabalha com marketing digital com foco em atração por meio de estratégias de conteúdo e SEO.

Contribua com este post nos comentários