Como fazer uma thumbnail?

Você sabe o que é uma thumbnail? Essa pequena imagem é muito utilizada para chamar atenção para conteúdos digitais, sobretudo vídeos. As thumbnails são muito úteis porque ajudam a atrair o clique, ou seja, elas fazem com que as pessoas tenham mais vontade de acessar aquele conteúdo. Se o usuário vê uma imagem interessante que o deixa com vontade de assistir ao vídeo, provavelmente irá clicar naquele vídeo em vez de um que não o atrai.

Mas, é claro, isso não acontece de forma automática e nem facilmente. Para ter uma thumbnail atrativa que atinja o objetivo, na maioria das vezes, é necessário criar uma imagem personalizada em vez de somente usar uma imagem do vídeo.

Para te ajudar a conseguir mais cliques, visualizações e assinantes, te ensinamos nesse artigo como fazer uma thumbnail atrativa. Confira as dicas:

Como fazer uma thumbnail?

Escolha um programa para criar sua thumbnail.

O primeiro passo para fazer uma thumbnail é saber qual melhor software para usar. O editor de imagem adequado irá depender da sua familiaridade com esse tipo de trabalho. Se você souber mexer com softwares mais complexos, pode usar alguns mais avançados, porém, se edição de imagem não for muito a sua praia, o ideal é procurar um programa um pouco mais simples.

Escolha a imagem e insira os textos.

Em um determinado momento as thumbnails eram apenas uma imagem em miniatura de algum momento do vídeo, porém, com a evolução das produções de conteúdo que alcançaram públicos cada vez maiores, elas acabaram se transformando em imagens feitas especialmente para chamar atenção para o conteúdo inteiro. 

Com isso, as imagens são também, normalmente, acompanhadas de algum texto que fisgue a pessoa pela curiosidade. Como a imagem é pequena, o ideal é usar poucas palavras que descrevam, de forma real, o que vai acontecer no vídeo. E, claro, é essencial utilizar cores vivas que realmente façam com que o vídeo se destaque.

Dica: utilize sempre a mesma identidade visual! É muito importante fazer com que o público tenha uma identificação com seu conteúdo. Tente sempre utilizar as mesmas fontes, cores e formatos de thumbnail para facilitar a associação e ter uma identidade visual coerente.

Faça um thumbnail sincera.

Uma das experiências mais frustrantes para o usuário é ir assistir a um conteúdo esperando algo que foi prometido e não encontrar. Muitas pessoas utilizam thumbnails falsas para atrair uma grande quantidade de cliques, literalmente enganando a audiência. Essa tática pode até funcionar para conseguir os cliques, mas com certeza deixará o público bastante frustrado. O problema disso tudo é que uma audiência frustrada não volta ao seu canal e, com o tempo, seus vídeos perderão a credibilidade.

Pesquise as miniaturas da concorrência e veja como se destacar.

Destacar-se é o objetivo principal no processo de aprender como fazer uma thumbnail. Para fazer isso, uma boa dica é pesquisando os concorrentes – vídeos que abordam o mesmo assunto ou tentam rankear para a mesma palavra-chave – e analisando o que as miniaturas desses vídeos têm em comum. Assim, veja como elas são semelhantes e como você conseguirá fazer que sua miniatura se destaque.

Por exemplo: a maioria das miniaturas são vermelhas? Que tal tentar uma que seja azul?  Atraindo mais os olhares, há maior chance de conseguir mais cliques.

Entenda sobre o tamanho das imagens.

A resolução da thumbnail é muito importante.  Aqui na Samba, recomendamos o tamanho de 1280×720 pixels para fazer uma thumbnail e garantir o máximo de resolução. Além disso, é essencial que você se atente à manutenção da proporção de 16:9, para que nenhuma informação da imagem seja perdida.


Se quiser facilitar ainda mais o processo de fazer thumbnails, você pode acessar nossa ferramenta geradora de thumbnails clicando aqui ou na imagem abaixo. Ela é gratuita e te deixa pronto para criar thumbnails atrativas para seu conteúdo!

gerador de thumbnail


Por: Débora Gomes

Produtora de conteúdo no Blog da Samba, trabalha com marketing digital com foco em atração por meio de estratégias de conteúdo e SEO.

Contribua com este post nos comentários