Web TV: o passo a passo para montar a sua!

Se antes a TV tradicional reinava absoluta na preferência de espectadores de todas as idades e classes sociais, e era a forma mais fácil e assertiva de garantir que seu conteúdo ou anúncio fosse distribuído com sucesso e atingisse milhões de pessoas, hoje, com a popularização da internet e dos vídeos online, a Web TV ou TV na internet está tomando esse lugar.

De acordo com algumas estatísticas sobre o consumo de Mídia e TV (que você pode ver aqui), a forma como o espectador consome conteúdos em vídeo está passando por uma mudança notável e quem quer começar a investir nessa área, deve entender que somente a TV tradicional não é mais suficiente.

O consumidor está cada vez mais exigente em relação a conteúdo, recomendações, anúncios e mobilidade e a Web TV (ou TV Web) cada vez mais parece ser a opção mais adequada para atender a todas essas necessidades.

Confira alguns dados que foram levantados:

  • Mais de 50% dos consumidores disse assistir vídeos sob demanda na internet, como séries, programas e filmes, pelo menos uma vez por dia, o que indica um crescimento de mais de 20% em relação a 2010.
  • A maioria das pessoas considera anúncios online mais relevantes.
  • 50% dos consumidores que assiste TV tradicional diz não conseguir achar nada pra ver pelo menos uma vez por dia.

Com a internet cada vez melhor, mais democrática e os vídeos e os aparelhos mais leves e dinâmicos, a tendência é que aos poucos a Web TV reine e que os vídeos sob demanda dominem a internet, gerando muito lucro e conteúdos de alta qualidade.

Se você quer aproveitar essa tendência ainda em 2018 e montar sua própria Web TV, é só continuar lendo! Nesse post, ensinaremos como montar seu próprio canal de conteúdos e fazer sucesso com seus vídeos online.

Mas, antes de começar, que tal entender um pouco mais sobre o futuro da TV? Clicando aqui você encontra tudo o que precisa para descobrir como esse mercado tem crescido no ambiente online! 😉

Como montar uma Web TV

Criar uma Web TV ou TV na internet pode ser a melhor opção para garantir que seu conteúdo atinja as pessoas certas e gere excelentes resultados em termos de visualizações, lucratividade e praticidade.

Em uma Web TV, seu público é quem decide aquilo que quer ver, independentemente de horários, programação ou do local em que ele se encontre. Nela, tudo 0 que importa é o conteúdo: se ele for atrativo para o público que está acessando, ele vai ser assistido e vai fazer sucesso!

Então, do que você precisa para fazer sua própria Web TV? Basicamente, é necessário concentrar seus vídeos em um site e fazer com que eles atinjam seu público na internet.

E se você quer distribuir seus vídeos de forma profissional e pessoal, estreitando a relação com sua audiência e mensurando resultados, usar o YouTube já não é mais a melhor solução para o seu negócio!  Mais adiante, vamos te mostrar que, hoje, garantir que seus vídeos estejam hospedados em uma plataforma profissional é essencial para o bom funcionamento e a escalabilidade do seu projeto. 

Ah, e a melhor parte é que sua Web TV pode ser gravada com qualidade diretamente de casa! Aqui você encontrar tudo o que você precisa para criar vídeos incríveis com baixo orçamento! 🙂

web tv - como fazer seus vídeos

Então, como montar uma Web TV?

Você precisa seguir 4 passos que são: produzir um bom conteúdo, escolher o site ou media center, traçar uma boa estratégia de monetização e fazer a divulgação dos vídeos.    

01. O conteúdo da Web TV

Na Samba, acreditamos que conteúdo é rei. Com cada vez mais conteúdo sendo postado na internet a cada segundo, é importante que você crie material raro, relevante e de qualidade.

Para garantir mais abrangência, visualizações e relevância para seu conteúdo em vídeo, algumas pequenas dicas são valiosas:

01. Estude seu público: você precisa entender quem ele é, o que ele quer, o que ele gosta, quais suas necessidades, e então garantir que seu conteúdo seja ideal para ele.

02. Faça conteúdos de alta qualidade: conhecendo seu público, capriche no conteúdo dos vídeos e entregue informações completas e relevantes para ele. Mostre que você é autoridade no que está falando e que seu conteúdo não é só mais um na internet.

03. Capriche nas gravações: comece desenvolvendo um bom roteiro, cuide da imagem e da iluminação, tome cuidado com o áudio e faça uma boa edição! Para isso, você não precisa ser um profissional de vídeos e nem ter os equipamentos mais caros, basta estudar um pouco e entender o que você está fazendo.

Uma vez no ar, é importante que você saiba como seus conteúdos estão sendo consumidos para que eles possam ser aprimorados sempre. Analise seus maiores sucessos e também seus fracassos e aos poucos você vai descobrir o que funciona ou não em sua Web TV.

02. O site

Em segundo lugar (ou mesmo que você ainda não esteja produzindo conteúdo), você vai precisar escolher uma plataforma profissional, que tenha capacidade de hospedar e distribuir os vídeos da sua Web TV com a qualidade que eles merecem, além de te proporcionar relatórios que te ajudem a entender o consumo do seu conteúdo. 

Uma plataforma profissional te garante segurança e escabilidade. Na hora de escolher seu parceiro nessa empreitada, sempre confira se ele é seguro e, principalmente, se é simples de editar. Afinal, a não ser que você tenha uma equipe técnica à disposição, não é bacana ter que enfrentar um processo burocrático e complicado a cada vez que você quiser publicar um vídeo.

Pensando nisso, uma ótima opção para a criação da sua Web TV é contratar apenas a plataforma de vídeos, que deixará seu conteúdo protegido e estável, e terceirizar a criação da estrutura de media center. Assim, você consegue um site completamente personalizado para a sua marca!

Mas, claro, você também pode preferir optar por um serviço que entregue o media center e a plataforma juntos, caso esteja procurando por uma opção de orçamento menor ou ainda não tenha uma equipe de desenvolvedores própria.

E a melhor parte é que a Samba está pronta para te ajudar com os dois cenários! Aqui você pode ver mais sobre a opção de contratar apenas a plataforma de vídeos e, caso se interesse mais pelo modelo de media center + plataforma, aqui você encontra tudo o que precisa saber para tirar a sua do papel! 😉

Outras características importantes que sua plataforma deve garantir são:

Qualidade de entrega

É importante que o conteúdo da sua Web TV seja entregue com alta disponibilidade, alto desempenho e inteligência na distribuição, tomando como base a melhor rota de entrega de acordo com a presença física em que o usuário está requisitando.

ABR

Adaptive Bitrate Streaming é a capacidade de adaptar a qualidade do vídeo entregue à quantidade de banda disponível do usuário que estará acessando e consumindo o conteúdo da sua Web TV.

Dessa forma, enquanto um usuário está assistindo ao vídeo, o Player monitora a conexão do usuário e entrega a melhor qualidade do vídeo de modo que ele tenha uma experiência agradável, sem problemas de travamento, buffering ou tela preta.

Multi-device

Ser multi-device nada mais é do que ter a capacidade de entregar o conteúdo da sua Web TV para diferentes aparelhos com conexão de internet: iOS (dispositivos como iPad e iPhone), Android, TV Conectada (Smart TVs), web, consoles de video-game (XBox, PlayStation), e diversos outros.

Segurança

Não faz sentido se esforçar para criar um conteúdo de qualidade e correr o risco de que ele possa ser pirateado, não é mesmo? Por isso, tenha certeza de que a plataforma escolhida consegue te garantir a segurança de seus vídeos. Essa segurança pode ser feita de diversas maneiras e, para saber mais sobre como isso é feito e ter certeza de que está se aliando ao parceiro certo na sua estratégia de Web TV, você pode acessar o material abaixo!

web tv - segurança

03. Monetização

Quando o conteúdo da sua Web TV já estiver começando a ser produzido com uma boa periodicidade, atingindo a audiência certa e ganhando em relevância e visualizações, você já deve traçar estratégias que possibilitem a monetização, a manutenção e a sustentabilidade desses vídeos.

Na maioria das TVs Web, a monetização dos conteúdos é feita por meio do modelo de assinaturas, assim como ocorre na Netflix e em outras plataformas como o Spotify. Porém, há também a possibilidade de você vender o seu conteúdo por categorias ou de forma avulsa.

Existem ainda outros caminhos para você monetizar o seu conteúdo, além da assinatura da Web TV. Por meio do seu canal, você poderá vender alguns espaços para anunciantes que forem mais estratégicos ou relacionados ao seu negócio. Essa é uma vantagem muito grande que uma plataforma de vídeos profissional oferece, principalmente por evitar que o anúncio de algum concorrente ou de algum produto indevido seja veiculado no seu material.

No final das contas, é você que deve decidir qual o modelo é o ideal, sempre levando em conta o tipo de conteúdo que você produz e a audiência que quer atingir. Se você quer entender mais sobre as formas existentes de ganhar dinheiro com vídeo e ver qual é a ideal para você, pode baixar gratuitamente o nosso Guia de Monetização em vídeo, clicando aqui.

04. Divulgação

Agora que você já conheceu todos os passos básicos para criar a sua Web TV e monetizar o conteúdo com ela, temos mais uma dica para impulsionar seus materiais e garantir o sucesso de seu conteúdo: invista em divulgação!

Não adianta você ter um conteúdo incrível se as pessoas não conseguem acessá-lo ou se ele não está visível para quem realmente interessa. Portanto, invista na divulgação dos materiais da sua Web TV antes, durante e depois do lançamento. Anote algumas dicas:

  • Crie teasers para divulgar seu conteúdo de forma rápida nas redes sociais
  • Divulgue o material nas redes da sua empresa – Facebook, Twitter, Instagram – e considere também investir em anúncios pagos para atingir mais pessoas
  • Envie newsletters periódicas com os conteúdos mais acessados ou que você considera mais relevantes
  • Peça a possíveis parceiros que também divulguem em seus sites, redes sociais e perfis pessoais

Investir na otimização de seus vídeos para mecanismos de busca como o Google e o Bing também é essencial para atrair mais pessoas para assistir o conteúdo de sua TV na internet. Por isso, capriche no SEO para vídeos, trabalhando sempre com palavras pensadas para seu público, investindo em tags, usando descrições atrativas para cada conteúdo e sempre publicando de forma organizada.

E caso você queira mais dicas para melhorar a divulgação da sua Web TV, pode dar uma olhada neste artigo aqui.


Viu como é fácil? Apenas seguindo esses passos simples, você já terá em mãos uma grande oportunidade de revolucionar seus negócios, criando uma Web TV de qualidade, com conteúdo relevante, bem distribuído e com grande potencial de engajar usuários, oferecendo uma experiência única para o seu visitante.

Se você já tem conteúdo ou vai começar a produzir e quer distribuir de forma bem organizada, gerando grandes resultados na internet, crie sua Web TV! Defina seus objetivos, o tipo de conteúdo que será produzido, pense em seu público e na abordagem ideal para ele, trace estratégias de divulgação e monetização e aproveite ao máximo de todo o potencial dos vídeos online.

E se você quer saber mais detalhes sobre todo o processo que descrevemos nesse artigo, acesse o material abaixo sobre como montar a sua WebTV e sucesso!

web tv

Por: Nathália Tameirão

Coordenadora de Marketing Digital na Samba Tech e especialista em SEO e conteúdo. Formada em Publicidade e Propaganda pela UFMG, é responsável pela estratégia de conteúdo da Samba, com foco em atração e conversão.

Contribua com este post nos comentários