Educação continuada: o que é e como as empresas podem aproveita-la.

Não é novidade para ninguém que o mercado de trabalho tem se tornado cada vez mais competitivo. É preciso que os profissionais se mantenham atualizados e em constante processo de aprendizagem para se destacarem frente a tantos outros profissionais qualificados. A esse processo de desenvolvimento pessoal e profissional, damos o nome de educação continuada. 

Mas qual é o papel da educação continuada dentro das empresas e por que é tão importante que as organizações invistam em ações que incentivem os seus funcionários na busca pelo desenvolvimento profissional? Neste artigo vamos esclarecer essas e outros dúvidas sobre educação continuada.

Para aprender ainda mais a fundo sobre a educação continuada, confira nesse material 15 dicas que podem ajudar a melhorar o desempenho dos colaboradores e da sua empresa como um todo!

dicas para melhorar o desempenho e com educacao continuada

O que é educação continuada? 

Em resumo, a educação continuada é uma prática que visa o desenvolvimento contínuo das pessoas, seja o desenvolvimento pessoal ou profissional. 

Por meio da educação continuada é possível que os profissionais trabalhem no aperfeiçoamento ou desenvolvimento de habilidades necessárias para a realização de um bom trabalho dentro do escopo de funções exigidos em sua vaga. Quanto mais conhecimento atualizado for adquirido, mais o trabalhador se desenvolve e maiores são as chances de crescimento no trabalho. 

Um grande ponto importante na educação continuada é que as empresas podem investir no desenvolvimento desses colaboradores e garantir não só equipes especializadas e talentosas, mas também, a retenção dos colaboradores dentro da organização. Por isso a educação continuada é tão importante para as empresas.

Quando o processo de educação continuada surgiu? 

Apesar da recente popularização do termo, o assunto educação continuada é antigo. A sociedade e o mercado de trabalho no qual estamos inseridos exige que continuemos estudando e nos aperfeiçoando para lidar com mudanças na maneira que trabalhamos. Um grande exemplo disso é o avanço da tecnologia — pense que a internet foi criada há menos de 50 anos! 

No Brasil, o processo de educação continuada começou a ser mais discutido entre os anos de 1970 e 1980, quando foram criados programas para continuar o desenvolvimento e aprendizado de alguns profissionais, principalmente os da área da saúde. 

De toda forma, devemos entender que, independente da área de atuação de um profissional, é extremamente necessário que o processo de aprendizagem seja ininterrupto. Isso quer dizer que, não basta que você tenha cursado e se formado na graduação, você deve continuar estudando para se especializar em assuntos de interesse quando novas tecnologias ou novas pesquisas aparecerem. Estude e entenda sobre elas, faça cursos, busque ser autodidata e nunca pare de aprender! 

Por que as organizações devem investir em ações de educação continuada? 

Uma equipe desenvolvida é uma equipe motivada, com baixa rotatividade e cada vez mais produtiva. Por isso, se você é responsável por uma organização, oferecer incentivos para que seus colaboradores consigam mais facilmente participar de ações de educação continuada ajudarão no constante desenvolvimento da equipe.

E claro, não basta somente incentivar, é preciso investir! Quanto mais a sua empresa mostra que aposta e investe nos colaboradores, mais eles irão apostar de volta na empresa. Então, criar estratégias específicas de educação corporativa podem ser o diferencial para as corporações montarem times de colaboradores talentosos.

Hoje, mesmo com uma agenda lotada de compromissos, é possível que o processo de educação continuada aconteça por meio do ensino a distância (cursos online), leitura ou participações em palestras e seminários digitais, por exemplo. Assim o próprio profissional consegue adequar os seus horários e aprender usando até mesmo o celular. 

Quais são os benefícios da educação continuada para as organizações? 

Você já deve ter percebido que há várias vantagens no acesso à educação continuada. As ações que incentivam o aprendizado dos profissionais possibilitam que os membros da equipe desenvolvam as suas competências e estejam cada vez mais qualificados para exercer as suas funções. 

Os benefícios são tão diversos que é possível dividirmos estes em categorias. 

1. Benefícios para o profissional.

Quando voltamos o olhar para os profissionais, a educação continuada agrega benefícios como:

  • Melhora no desenvolvimento técnico, possibilitando o aprendizado da técnica necessária para executar determinados tipos de funções. Quanto maior for a capacidade técnica de execução, com mais qualidades serão as entregas. 
  • Melhora no sentimento de segurança e autoestima dentro do contexto da organização, uma vez que o profissional se sente seguro por reconhecer suas habilidades e a importância delas para o desenvolvimento da empresa. 
  • Maior valorização dentro da empresa e no mercado de trabalho, visto que, com o desenvolvimento de suas habilidades, o profissional deve se destacar e ser reconhecido na organização e fora dela. 

2. Benefícios para a empresa.

No contexto empresarial os benefícios da educação continuada também podem ser aproveitados: 

  • Funcionários mais qualificados, que serão capazes de fazer entregas cada vez melhores e de maior qualidade, impulsionando o crescimento da empresa.
  • Integração da equipe com a empresa, pois ao ser capaz de motivar os funcionários, oferecendo oportunidades de educação continuada e sendo aberta a conversas e feedbacks sinceros, a organização se aproxima de seus profissionais e a integração acontece de forma fluida. 
  • Aumento da produção, com uma equipe competente tecnicamente a velocidade nas entregas aumenta sem perder a qualidade. 
  • Diminuição da rotatividade por ter profissionais motivados e integrados com a instituição. 
  • Melhora no processo de recrutamento, pois a empresa passa a ser vista como um ótimo local para se trabalhar e passa a ser disputada pelos profissionais do mercado. 

A educação continuada permite que os profissionais acompanhem as mudanças que o mercado de trabalho e as novas tecnologias fomentam a cada dia. Por meio de um processo de educação corporativa, o profissional se mantém atualizado, melhorando a sua maneira de trabalhar, fazendo entregas de mais qualidade e qualificando-se para um mercado cada vez mais competitivo. 

Nas empresas o impacto também é positivo! Com um quadro de funcionários qualificados e motivados o clima organizacional é melhor, as entregas têm mais qualidade e o turnover é reduzido.

E para aprimorar ainda mais as técnicas de educação continuada, é essencial que as empresas invistam em comunicação também. Dentro das organizações, a comunicação é um dos pontos principais para promover a melhor produtividade e engajamento de colaboradores.

Veja como a tecnologia pode ter um papel importante na comunicação corporativa.

usar tecnologia na comunicacao corporativa para a educacao continuada

Por: Samba Tech

A Samba Tech é uma das empresas mais inovadoras do mundo, segundo a Fast Company, e é referência no mercado de vídeos online. Nossa empresa garante infraestrutura de alta qualidade para venda, distribuição, gerenciamento e armazenamento de vídeos e ajuda pessoas e empresas a terem mais sucesso, independentemente do seu objetivo.

Contribua com este post nos comentários