Indicadores de treinamento: como avaliar o sucesso de uma ação de treinamento.

Não é segredo para ninguém o quão importante é investir em treinamentos que irão capacitar os profissionais dentro das organizações. Os treinamentos possibilitam que os colaboradores aprendam e se especializem cada vez mais em suas áreas de atuação, o que gera profissionais mais motivados, engajados com suas tarefas e produtivos.

Porém, a partir do momento em que novos treinamentos são ministrados, como saber se essa prática está rendendo resultados positivos para a empresa e para os seus funcionários? A resposta é simples: por meio de alguns indicadores de treinamento

Setores de recursos humanos cada vez mais estratégicos são essenciais para que as organizações se desenvolvam. A tomada de decisões baseada em dados é parte primordial desse caminho. Os indicadores de treinamentos podem ser de grande ajuda no processo de tornar as áreas de uma organização cada vez mais estratégicas, afinal de contas esses indicadores produzirão dados que, se bem analisados, guiarão o planejamento para que novos treinamentos sejam cada vez mais efetivos.  

Quer saber mais sobre os indicadores de treinamento e como eles podem ajudar a sua organização? Continue lendo este artigo! 

Veja também 10 princípios práticos para criar treinamentos de alto impacto e implementá-los na sua empresa. Baixe o infográfico gratuito.

como criar um treinamento de alto impacto

O que são indicadores de treinamento? 

Suponhamos que a sua empresa promova diversos treinamentos mensais e invista em cursos especializados, palestras e eventos para os funcionários. Muitas vezes alguns cursos e palestras acontecem online, mas outras vezes podem ser presenciais e até em outra cidade. Isso acarreta em ainda mais custos, como de hospedagem e transporte. 

O investimento em capacitação dos funcionários é essencial, mas a aplicação de tempo, esforço e dinheiro nesse tipo de prática precisa gerar resultados mensuráveis para que a organização saiba de forma clara se o investimento realizado está rendendo resultados positivos. 

Muitas organizações possuem dificuldades na tarefa de mensurar os resultados dos treinamentos que são oferecidos. Apesar da dificuldade ser comum na maioria das empresas, ela deve ser extinguida o quanto antes! 

Para que isso aconteça é importante que os indicadores de treinamento sejam utilizados nos processos de capacitação dos colaboradores. Tais indicadores irão possibilitar que os treinamentos tenham resultados mensuráveis e analisáveis, possibilitando que, através das métricas geradas, seja possível que a área de recursos humanos avalie determinados processos. 

Além dos indicadores de treinamento auxiliarem no momento de analisar a qualidade das capacitações oferecidas, eles também ajudam a corrigir problemas de cada processo e, desta forma, a empresa pode aperfeiçoar constantemente os seus cursos e treinamentos. 

Quais são os principais indicadores de treinamento? 

Para que você consiga aplicar os indicadores de treinamento à realidade da sua empresa, separamos os principais indicadores que devem ser usados na hora de avaliar o desempenho das capacitações oferecidas pela organização. Conheça: 

1. Indicador de adesão.

O primeiro indicador possibilita que as empresas saibam o número de colaboradores que se inscreveram para os treinamentos e cursos oferecidos. Nesta primeira etapa é possível analisar a porcentagem total de colaboradores versus a quantidade de pessoas que se interessaram pelos treinamentos oferecidos. 

Em segunda instância, é preciso analisar a taxa de adesão dos inscritos nos treinamentos. Para isso é preciso verificar a porcentagem de profissionais que realmente participaram dos treinamentos com base no número de inscritos.

2. Indicador de desistência.

Este outro indicador aponta a quantidade de funcionários que desistiram de um treinamento enquanto ele ainda estava sendo executado. Ele poderá ser metido em treinamentos e cursos que levam mais tempo para serem finalizados, como capacitações que acontecem durante semanas ou até meses. 

Com este indicador é possível verificar se os treinamentos têm sido efetivos. É normal que pessoas desistam no meio do caminho, mas se o índice estiver muito alto, é preciso tomar cuidado. 

Algo que pode ajudar a melhorar este indicador é observar em qual parte do treinamento houve o abandono. Esse dado permitirá que uma melhora seja realizada na etapa que mais gera a desistência. 

3. Indicador de opinião.

Este indicador atua para analisar o ponto de vista dos colaboradores quanto aos treinamentos que são oferecidos. Para esta taxa, o objetivo é mensurar a opinião dos profissionais por meio de pesquisas ou questionários, que podem conter avaliações fechadas ou espaços abertos para comentários. 

Uma indicação na hora de criar pesquisas para saber a opinião dos funcionários é permitir que os feedbacks sejam dados de forma anônima, assim é possível que os colaboradores se sintam mais à vontade para expressar sua verdadeira posição sobre os treinamentos oferecidos. 

4. Indicador de aprendizado.

Este é um dos indicadores de treinamento mais importantes pois avalia se o conhecimento que foi lecionado está sendo aplicado no dia a dia de trabalho dos colaboradores. 

Para fazer a avaliação deste indicador é preciso esperar um tempo, uma vez que há um prazo até que um colaborador coloque em prática os conhecimentos adquiridos. Além disso, também é preciso contar com a ajuda dos líderes para que estes acompanhem de perto a evolução dos funcionários. Outra prática poderia ser aplicar algum tipo de teste antes do treinamento e depois, para avaliar o aprendizado. 

5. Indicador de investimento financeiro.

Neste indicador é preciso medir os custos gerados pelos treinamentos oferecidos. O ideal é separar os custos por período – mensal, trimestral ou semestral, de forma que seja possível fazer uma análise de gastos conforme o tempo.

Fazer a análise dos custos gerados pelos treinamentos é essencial para conseguir organizar o orçamento com esse tipo de atividade e, no final de um treinamento, não se deparar com valores inesperados. Além disso, com os custos em mãos, é possível medir o retorno monetário que os treinamentos dão. 


Oferecer treinamentos é primordial para manter a equipe de uma organização motivada, em constante processo de aprendizado e cada vez mais produtiva e capacitada.

Apesar de todas as vantagens envolvidas em treinar os funcionários, é preciso se atentar a alguns indicadores que dirão se os treinamentos estão sendo realmente efetivos, assim as empresas podem realocar verba e modificar temas de cursos evitando gastos desnecessários. 

Lembre-se dos indicadores que citamos neste textos na hora de analisar os treinamentos que você oferecerá para a sua equipe e tenha um processo de capacitação cada vez mais assertivo!

Para aprofundar ainda mais seus estudos sobre treinamentos, você pode conferir como sua empresa pode economizar por meio dos vídeos online? Já pensou nisso? Baixe aqui e confira:

o que e treinamento corporativo

Por: Débora Gomes

Produtora de conteúdo no Blog da Samba, trabalha com marketing digital com foco em atração por meio de estratégias de conteúdo e SEO.

Contribua com este post nos comentários