Pós produção de vídeos: tudo que você precisa saber sobre.

Muitas pessoas acreditam que o trabalho com vídeos é finalizado assim que as câmeras são desligadas. Mas a realidade não é bem assim! Não basta só gravar dezenas, ou quem sabe centenas e milhares de horas e imaginar que o produto final ficou pronto, é preciso de todo um trabalho de pós produção.

A pós produção – ou edição – é essencial para que o vídeo alcance uma qualidade mais profissional, com a adição de efeitos, trilha sonora, cortes, b-rolls e muito mais. Essa parte pode parecer assustadora para quem ainda não é tão familiarizado com softwares e técnicas de pós produção, mas com um pouco de estudo é possível alcançar bons resultados com seus vídeos.

Quer entender mais a fundo como é feito o trabalho de pós produção de vídeos e qual a sua importância para criar vídeos mais amigáveis e profissionais? Vem com a gente que te contamos tudo o que você precisa saber sobre o assunto!

Se trabalhar com produção e pós produção de vídeos é algo que você tem como objetivo, que tal começar com esse minicurso gratuito sobre como produzir vídeos mesmo com baixo orçamento? Clique aqui e assista às aulas gratuitamente.

minicurso para criar videos com baixo orcamento

O que é pós produção de vídeos? 

Suponhamos que você deseje ser um produtor de conteúdo para a internet e trabalhar com o formato de vídeo. Quando fizer a sua primeira gravação, seja utilizando uma câmera profissional ou até mesmo o seu próprio celular, certamente haverão erros de gravação, partes do vídeo que você deseja excluir ou, quem sabe, partes da gravação que você deseja destacar. Além disso, também será necessário que você publique o vídeo em alguma plataforma que suporte o formato para que outras pessoas possam assistir o conteúdo que você criou. 

Para que tudo isso aconteça, é necessário que o vídeo passe por um processo de pós produção. 

A pós produção de vídeos serve para eliminar erros de fala, diminuir ruídos vazados, corrigir iluminações diferentes entre uma tomada e outra, acrescentar animações, adicionar efeitos musicais, entre outras coisas. Tudo isso com um mesmo objetivo: tornar o vídeo mais atraente. 

Sendo assim, podemos chamar de pós produção todo o trabalho que é realizado após a gravação do conteúdo audiovisual. 

Se você é um produtor de conteúdo ou se a sua empresa pensa em investir nos vídeos como uma forma eficaz de fazer marketing, você não pode deixar de se atentar para a pós produção, produzindo materiais mais coerentes e atraentes para o público. 

Por que a pós produção de vídeos é importante? 

A pós produção de vídeos serve para dar sentido às imagens que são captadas durante a gravação. 

Imagine que você está criando um filme em formato de comercial para a TV. Neste filme você deseja mostrar o produto que a sua empresa produz e as suas aplicabilidades. Para destacar os seus atributos, na hora da gravação você faz closes no produto, mostra atores manuseando, entre outras coisas. 

Só juntar todos os pedaços de gravação não será o bastante para produzir um comercial bacana. Os takes devem ser unidos de forma coesa para criar um storytelling (maneira de contar uma história) no vídeo. Além disso, é importante acrescentar efeitos visuais e de áudio para chamar ainda mais atenção. 

Tudo isso só será possível com a pós produção e a equipe por trás dela, composta geralmente por roteiristas, diretores, montadores, coloristas, sonoplastas e editores, que escolherão as melhores cenas, acrescentarão os efeitos e criarão uma história atrativa de ser vista.

Quais as principais fases da pós produção de vídeos? 

A pós produção acontece em várias fases, mas é comum que ela seja dividida em quatro fases principais, sendo elas: 

1. Desmontagem dos cenários.

Pode parecer óbvio, mas após desligar as câmeras a primeira coisa que deve ser feita é a desmontagem dos cenários usados durante a gravação. 

Muitas pessoas iniciantes no ramo dos vídeos deixam esse detalhe passar, mas é importante atentar-se a desmontagem dos cenários para que você deixe o seu estúdio de gravação melhor organizado, além de manter o seus cenários e os equipamentos necessários para gravar os vídeos, nos lugares certos, conservando-os por mais tempo. 

Guarde o que você utilizou de maneira organizada e catalogada, além de escolher um local de fácil acesso para armazenar tudo, assim você achará os equipamentos de maneira mais fácil da próxima vez que precisar deles. 

2. Edição do vídeo.

É nessa fase que você fará a seleção de todo o material que foi acumulado. Dependendo do projeto podem ser horas e horas de filmagem que deverão ser drasticamente reduzidas para um melhor resultado final. 

Nessa parte do processo é necessário fazer a revisão do material gravado e a seleção de quais cenas serão usadas, trabalhando com a ferramenta de corte de seu editor de vídeos. 

Em seguida, quando as melhores cenas forem cortadas e agrupadas, é hora de fazer um bom tratamento de áudio. Retirar os ruídos, sincronizar a imagem que foi gravada com a câmera e o áudio que pode ter sido gravado com um microfone ou gravador e deixar o som nítido são algumas etapas desse processo. 

O próximo passo será tratar a imagem, corrigindo a exposição, ajustando a coloração das cenas para acrescentar o efeito desejado, tudo isso para que todos os cortes fiquem com um aspecto uniforme, conversando entre si. 

Também é possível trabalhar com efeitos sonoros e efeitos visuais para complementar a sua produção audiovisual. Acrescente animações, músicas, sons que incrementem a cena, ou o que mais você achar necessário. 

Por fim, lembre-se de acrescentar uma legenda. A legenda pode ser muito útil em vários casos, principalmente em vídeos para internet, uma vez que eles podem ser acessados de qualquer lugar do mundo. Além disso, dados do Facebook mostram que 85% dos conteúdos em vídeo são assistidos sem som! Então, colocar uma legenda é será o seu diferencial para chamar atenção do público nas redes sociais.

3. Revisão do conteúdo.

Depois do processo de edição seu vídeo pode parecer que já está pronto para publicação, mas antes de fazer o upload, lembre-se de passar o conteúdo por uma última revisão. 

Assista o vídeo editado e veja se não passou algum erro que deve ser corrigido antes do vídeo ir ao ar. É importante fazer a revisão do conteúdo com a ajuda do roteiro que foi escrito previamente, assim você saberá mais facilmente se faltou alguma coisa na sua produção. 

4. Publicação e divulgação do vídeo.

Chegamos a última etapa da pós produção de vídeos, a publicação e a divulgação do vídeo produzido!

Vídeo editado e revisado, é hora de exportar o material. A maioria dos editores de vídeo oferece algumas opções de formato para exportação, não se esqueça de escolher o formato que seja aceito na plataforma de vídeos que você fará a hospedagem do conteúdo. Também é importante ficar atento ao tamanho e qualidade do vídeo. 

Seu vídeo pode ser publicado tanto em uma rede social, quando em uma plataforma mais profissional, tudo vai depender do objetivo do conteúdo. De uma forma ou de outra, é importante que você faça um bom trabalho de divulgação, convidando as pessoas a assistirem o seu vídeo. 

Você pode compartilhar o vídeo no seu blog, site, enviar o link por email ou publicar parte do trecho nas redes sociais, chamando o público para assisti-lo por completo.


O trabalho de pós produção de vídeos é bastante importante para criar um conteúdo de qualidade, que alcance várias pessoas e cumpra com o seu objetivo, seja você um criador de conteúdo para internet, um professor online ou uma empresa. 

Se você se interessou pelo assunto e quer produzir vídeos cada vez melhores e com maior qualidade, confira nesse material como montar um estúdio caseiro e levar suas produções para outro nível! Baixe agora e inspire-se.

estudio de gravacao caseiro para fazer um bom video e boa pos producao


Por: Débora Gomes

Produtora de conteúdo no Blog da Samba, trabalha com marketing digital com foco em atração por meio de estratégias de conteúdo e SEO.

Contribua com este post nos comentários