• Blog
  • >
  • EAD
  • Insights
  • Sistema EAD de ensino: como ele funciona e como implementá-lo.

Sistema EAD de ensino: como ele funciona e como implementá-lo.

Você sabe o que é Sistema EAD de Ensino? A expressão se popularizou nos últimos anos pois foi responsável por modificar a maneira como o ensino era visto e levou educação e novos conhecimentos a milhares de pessoas. 

Mas, afinal de contas, o que é ensino a distância e como essa modalidade de aprendizagem pode ser utilizada pelas empresas? Continue lendo que nós te contamos neste artigo.

Neste guia a seguir você irá entender a importância das vídeo aulas para o EAD. Assim, vai conhecer ainda mais sobre essa modalidade de ensino e quais as melhores formas de se investir nesse mercado.

importância dos vídeos para o sistema EAD de ensino

O que é Sistema EAD de Ensino? 

Para começar a nossa jornada de entendimento sobre os Sistemas EAD de Ensino, vamos voltar um passo atrás e relembrar o conceito de EAD. As plataformas que gerenciam e automatizam funções para que seja possível administrar cursos online são possíveis graças aos Sistemas EAD. Desta forma, é possível oferecer cursos a distância que possuam processos bastante parecidos com os de cursos ofertados de forma presencial, como matrícula, compra dos cursos, planejamento dos conteúdos, acompanhamento dos alunos, aplicação de atividades avaliativas e cálculo de efetividade na aprendizagem. 

O sistema EAD de ensino é o nome que se dá ao conjunto de ferramentas que monta o sistema capaz de gerir todas essas funções de forma organizada. 

Como o Sistema EAD de Ensino surgiu? 

O modelo clássico de aprendizagem é bastante conhecido e está na memória da maioria das pessoas: uma sala de aula, cheia de mesas e cadeiras, com alunos sentados em filas organizadas uma ao lado da outra observando um quadro-negro posicionado a frente e com um professor ou professora ministrando a aula. 

Para que o modelo clássico seja possível, é preciso que exista um espaço físico que suporte a aplicação das aulas, como escolas, faculdades e centros de ensino técnico, por exemplo. 

Por muito tempo, a única maneira de participar de aulas e aprender novos conhecimentos foi através desse modelo clássico. Porém, com a chegada da internet e a sua popularização – smartphones cada vez mais baratos, planos de internet mobile mais acessíveis e diversas pessoas com esses celulares na mão – a possibilidade de participar de cursos, palestras e aulas sem a necessidade de sair de casa finalmente se tornou realidade. 

Os cursos online foram ganhando cada vez mais espaço, inclusive nas universidades públicas e privadas, que hoje oferecem disciplinas e até mesmo cursos completos que acontecem integralmente a distância.  

Quais são as vantagens e as desvantagens do modelo EAD? 

Você já viu que o sistema EAD possibilita que as pessoas aprendam coisas novas e se especializem sem sair de caso, só isso já é uma grande vantagem! Porém, o sistema EAD de ensino possuir outras vantagens que o tornem um modelo bastante positivo. Claro que, como a maioria das coisas da vida, o modelo também apresenta algumas desvantagens. Para te ajudar a colocar tudo isso na balança, separamos as principais vantagens e desvantagens do modelo, veja abaixo. 

Vantagens do sistema EAD de ensino: 

  • Horários flexíveis: por ser online, o aluno consegue fazer as aulas de acordo com a sua agenda, nos horários que puder, conseguindo conciliar outros compromissos facilmente. 
  • Localização: além dos horários flexíveis, o mesmo acontece com o local. Como não é necessário comparecer a uma escola ou espaço físico determinado, o aluno EAD consegue fazer as suas aulas de qualquer lugar, seja em casa, no intervalo do trabalho, ou até mesmo no transporte público, por exemplo. 
  • Preço: os cursos a distância costumam ter preços reduzidos em relação aos cursos presenciais, isso porque vários gastos são abatidos, como aluguel do espaço físico ou a impressão de materiais didáticos. O valor do curso também é mais barato para o aluno por gastos além do preço do curso em si, como transporte e alimentação, que passam a ser desnecessários. 
  • Integração: apesar de ser um curso a distância, no sistema EAD também é possível estar integrado com os outros alunos e professores, interagindo com eles.  

Desvantagens do sistema EAD de ensino: 

  • Dependência de um dispositivo conectado a internet: se o aluno não tiver acesso a internet nem a um dispositivo capaz de fazer essa conexão, como computadores e tablets, ele não conseguirá tirar proveito do sistema EAD. 
  • Aulas práticas inexistentes: em alguns casos não é possível que haja aulas práticas, aplicadas em laboratórios por exemplo, o que pode dificultar o aprendizado de determinadas habilidades. 
  • Retenção dos alunos: no sistema de EAD a retenção dos alunos costuma ser menor quando comparada aos cursos presenciais. 

Como fazer a implementação de um sistema EAD de ensino?

Se você percebeu a relevância de oferecer ensino a distância na sua empresa, escola ou universidade, está na hora de aprender mais sobre o processo de implementação desse tipo de sistema de ensino. Para isso, listamos algumas dicas que vão te ajudar no processo. 

1. Defina o seu público.

Antes de mais nada você precisa passar por um processo de análise e preparação para encontrar o seu público. A definição do público é primordial na hora de pensar em qualquer produto e o mesmo se aplica aos cursos EAD. 

Tendo o público em mente, será possível pensar em ações para que ele se engaje na plataforma de ensino a distância. Para isso pense em quem vai utilizar a plataforma, são trabalhadores que buscam se aperfeiçoar em determinadas funções ou são estudantes procurando por cursos profissionalizantes? Quem precisa do conhecimento que você oferecerá? Se você for uma empresa, quais pessoas do seu quadro de funcionários se beneficiará da plataforma? 

2. Qual será o formato dos cursos oferecidos e quais serão os conteúdos?

Os conteúdos devem ter que ver com o perfil do seu público. Não adianta nada oferecer temáticas extremamente complexas para pessoas que estão em fase inicial de aprendizado, assim como não será vantajoso ter conteúdos básicos se os estudantes serão profissionais especializados e seniores.  

Além disso, é preciso também pensar em como o curso irá acontecer, como funcionará o processo de aprendizagem, se serão feitas avaliações, entregas de recompensas, etc. 

3. Estabeleça o tamanho e a duração dos cursos.

Outro ponto importante é criar cursos com uma carga horária definida de acordo com os conteúdos que serão ofertados. Tudo vai depender da complexidade desses conteúdos, uma vez que um curso EAD pode durar horas, dias, semanas, meses ou até mesmo anos de estudo! 

4. Prepare bons materiais de apoio.

Além dos vídeos de aulas, outro ponto importante é pensar nos materiais que servirão de apoio para os estudantes. Não são primordiais para que o curso funcione, porém serão muito importantes para facilitar o processo de aprendizagem e deixá-lo mais lúdico e efetivo. 

Aproveite que o ensino acontece de forma online para oferecer links de vídeos externos que complementam o conteúdo, vídeos diversos, indicações de fóruns e até mesmo criar jogos, questionários e disponibilizar livros e apostilas virtuais. 

5. Escolha da plataforma.

Por fim, chegou a hora de escolher uma plataforma que seja capaz de atender às suas demandas e suprir as suas necessidades. Existem algumas ferramentas no mercado, mas lembre-se de escolher aquela que melhor cumpra as suas funções e te ajude a alcançar os seus objetivos.


O ensino a distância está crescendo exponencialmente e a expectativa é que continue cada vez mais. Por isso, o mercado indica que pode ser o momento ideal de pensar em investir nisso e, além de trabalhar com assuntos que você domina, ainda participar da democratização do ensino pelo Brasil!

Se entrar nesse mercado já é algo que passou pela sua cabeça, você pode se inspirar assistindo ao webinar gratuito e conhecer algumas tendências de mercado para o EAD! Confira:

webinar sobre tendencias para o sistema EAD de ensino

Por: Samba Tech

A Samba Tech é uma das empresas mais inovadoras do mundo, segundo a Fast Company, e é referência no mercado de vídeos online. Nossa empresa garante infraestrutura de alta qualidade para venda, distribuição, gerenciamento e armazenamento de vídeos e ajuda pessoas e empresas a terem mais sucesso, independentemente do seu objetivo.

Contribua com este post nos comentários