Universidade Corporativa: o que é e como criar na sua empresa.

Você já ouviu falar em universidade corporativa? Essa estratégia tem se popularizado bastante ao longo dos anos e está intrinsecamente relacionada à questão do treinamento e desenvolvimento de pessoas dentro das organizações.

Treinar e capacitar os colaboradores de uma empresa, hoje mais do que apenas uma atividade corriqueira, é um diferencial para as organizações em termos de aumento de produtividade, eficiência e engajamento das equipes.

Mais do que oferecer treinamentos pontuais voltados apenas para desenvolver habilidades específicas de cada colaborador, as empresas estão cada vez mais preocupadas com o valor estratégico de cada treinamento ou ação de capacitação oferecida. Afinal, é importante garantir que todo o investimento feito vai ajudar no desenvolvimento da empresa e retornar como lucro visível e mensurável.

É exatamente nesse contexto que estão as universidades corporativas, que funcionam exatamente para suprir essa demanda por treinamento estratégico e objetivo – reduzindo custos e aumentando a eficiência desse processo.

Ao longo deste artigo vamos falar um pouco mais sobre as universidades corporativas, mostrar como elas funcionam, o que representam em termos de benefícios e ainda mostrar como elas podem ser implementadas em diferentes negócios. Continue lendo!

Para começar, confira os 10 princípios práticos para criar treinamentos de alto impacto! Baixe o infográfico gratuito clicando aqui.

tipos de treinamento de alto impacto para universidades corporativas

O que é Universidade Corporativa?

Uma universidade corporativa “É um guarda-chuva estratégico para desenvolvimento e educação de funcionários, clientes e fornecedores, buscando otimizar as estratégias organizacionais”, de acordo com Jeanne Meister, da Corporate Universities Xchange. Ou seja, é uma forma de educar colaboradores em vários níveis para que a empresa opere com mais eficiência, produtividade e gere melhores resultados.

Uma universidade corporativa é uma instituição de educação vinculada à empresas, sejam elas públicas ou privadas, cujo objetivo é oferecer capacitação aos colaboradores, buscando reduzir custos e obter rapidez na formação de mão de obra estratégica.

Quais as diferenças de uma Universidade Corporativa para uma Universidade Tradicional?

É importante compreender que uma universidade corporativa, apesar de também ter foco em educação e capacitação de pessoas, funciona de maneira um pouco diferente de uma universidade tradicional.

Alguns dos principais pontos que mais separam esses dois modelos são:

Vínculo com uma organização.

Uma universidade corporativa é uma instituição totalmente controlada por uma empresa e, dessa maneira, focada em suas necessidades internas, desafios e na capacitação apenas de seus colaboradores.

Já uma universidade tradicional, por mais que esteja conectada ao mercado e muitas vezes tenha até parcerias com grandes empresas, não é totalmente voltada para as necessidades e nem para os colaboradores de uma só organização.

Regulamentação dos cursos.

Em universidades tradicionais, a oferta dos cursos, assim como métodos de ensino e avaliação são regulados por um órgão superior: o MEC (Ministério da Educação). Esses cursos conferem ao participante o status comprovado de formação técnica, superior ou profissionalizante.

Já as universidades corporativas não precisam ser regulamentadas pelo MEC e funcionam como cursos livres – que seguem uma legislação própria. Esses cursos são extremamente válidos e, apesar de não conferirem a formação regulamentada de nível profissional, técnico ou superior, são muito bem vistos pelo mercado e podem conferir certificados que atestem sua realização e aproveitamento.

Quais as vantagens de investir em uma Universidade Corporativa?

Para além do fato de ser mais fácil formar profissionais qualificados com esse tipo de instituição e gerar melhores resultados para a empresa, existem outras vantagens relacionadas à criação de uma universidade corporativa. Entre elas, podemos destacar:

Capacitação personalizada e direcionada ao seu negócio.

Enquanto uma universidade convencional vai ensinar os conteúdos de um curso da forma que ela achar melhor, normalmente de modo mais geral e teórico, sem direcioná-los para um objetivo específico, na universidade corporativa, você tem um maior controle sobre o que será ensinado e pode abordar cada tópico de acordo com a estratégia da sua empresa e seus objetivos.

Ou seja, na criação de universidades corporativas você consegue aliar o desenvolvimento e aprendizado de cada colaborador ao cenário da sua empresa e garante a evolução e progresso dela. Afinal, colaboradores mais preparados e confiantes em seu trabalho conseguem ser mais proativos e produtivos, e sua empresa, com certeza, consegue colher bons resultados.

Além disso, ao treinar e capacitar melhor os líderes da sua empresa você consegue equipes mais bem guiadas, objetivos melhor traçados e muitas outras vantagens que vão representar benefícios para o resultado final apresentado pela sua companhia.

Rápida difusão do conhecimento e incentivo ao capital intelectual.

Por estarem localizadas no espaço da própria empresa e serem direcionadas prioritariamente aos seus funcionários as universidades corporativas fazem com que a circulação e troca de conhecimento entre os estudantes se dê de forma muito mais rápida. Afinal, a proximidade entre as pessoas na empresa acaba incentivando o compartilhamento de informações e a criação de know-how.

Investir em uma Universidade Corporativa ajuda, também, a criar colaboradores mais engajados e cientes de todos os processos e práticas da empresa.

Além do mais, você deixa claro que valoriza o engajamento e capacitação de todas as pessoas e instaura uma cultura de aprendizado em sua empresa, que pode ser muito positiva em questões como inovação e motivação.

Melhoria da imagem da sua empresa.

Uma universidade corporativa é um investimento importante e que agrega muito valor às organizações que a adotam! Ao manter essas instituições, além dos benefícios estratégicos, de crescimento e lucro, você vai conseguir fazer com que sua empresa seja reconhecida pelos funcionários como uma corporação que se importa com sua capacitação; pelos clientes, que vão poder perceber sua preocupação com a questão educacional; e pelos concorrentes, já que você tem esse grande diferencial na sua estratégia de crescimento e aprimoramento de resultados.

Ensino Heterodoxal.

Nas universidades corporativas, o ensino não se limita ao contato do aluno com o professor na sala de aula. Além dos profissionais verem na prática o conteúdo todos os dias dentro da própria empresa, nesse tipo de capacitação, é necessário que ele tenha contato com o exterior, busque cases, leituras complementares, faça benchmarkings e procure outras referências de aprendizado.

Isso faz com que o estudo fique muito mais dinâmico e que o aluno aumente sua capacidade analítica e seu quadro de referências, pontos que podem ser essenciais para sua empresa.

Redução de custos.

A maioria das Universidades Corporativas adota o modelo de Ensino a Distância, por meio de tecnologias que incluem o uso de vídeos online e reuniões ao vivo. Apenas, por esse fator, sua empresa já consegue diminuir muito os gastos com treinamento, uma vez que não precisará mais arcar com locação de espaço físico e equipamentos, custos com deslocamento e alimentação, e também hospedagem no caso de empresas com funcionários em locais diferentes. Utilizando EAD, de acordo com pesquisas, a economia pode chegar a 60% em alguns casos.

Inclusive, caso você queira entender a economia real que um treinamento a distância pode representar para a sua empresa, baixe nossa calculadora gratuita.

calculadora de gastos para educacao corporativa

Sua empresa está pronta para ter uma Universidade Corporativa?

Porém, apesar de a universidade corporativa ser um excelente investimento, que traz uma série de benefícios, nem todas as empresas estão preparadas ou têm estrutura para montar e sustentar essa instituição. Por isso, para que você possa ter certeza de que está pronto para implementar sua universidade corporativa, você pode responder algumas perguntas, como:

  • O Presidente e líderes em geral se dispõem a ser os principai apoiadores e mentores da ideia? Pesquisas mostram que se isso não acontecer, são grandes as possibilidades da universidade dar totalmente errado.
  • Há interesse em transformar seu núcleo de Treinamento e Desenvolvimento em um centro de lucros e não de custos?
  • Seus gastos com treinamento e capacitação estão grandes demais e você precisa reduzi-los?
  • Você está disposto a buscar por outras empresas que já tem sua própria universidade e aprender com elas? Nesse momento, benchmarking é fundamental.
  • A institucionalização do processos de capacitação e educação corporativa permanente é um dos objetivos vitais e imediatos da sua empresa?
  • É necessário estimular o fluxo do capital intelectual e a rápida difusão do conhecimento?

Essas perguntas irão te direcionar na hora de construir sua universidade e ajudar a saber se a instituição se adequa a seu negócio.

Decisão tomada, é hora de entender como uma universidade corporativa pode ser inserida em seu negócio.

Como implantar a Universidade Corporativa em uma empresa.

Para que a implantação de uma Universidade Corporativa seja bem sucedida, algumas medidas devem ser tomadas antes, durante e depois do processo. Confira as principais:

Faça um planejamento cuidadoso.

Primeiramente, antes de sair investindo em uma estrutura gigantesca para sua universidade corporativa, é importante realizar um planejamento minucioso para definir questões estratégicas e não perder dinheiro.

Não se deve jamais investir em uma instituição desse tipo se sua empresa não estiver preparada, em um momento cultural adequado, ou não tiver porte para suportá-la. Vale lembrar que a Universidade Corporativa precisa de um contexto e necessidades específicas para surgir, podendo causar prejuízos caso esse não seja o caso.

Portanto, antes de implantar sua UC, volte às perguntas acima, entenda sua empresa e as necessidades de treinamento e capacitação de seus colaboradores e então planeje de forma estratégica como essa instituição vai atendê-las e seu porte e estrutura.

De forma geral, nesse momento você deve:

  • Estudar e entender seu público, identificando padrões de consumo, interesses, o perfil dos colaboradores e mais.
  • Identificar as necessidades da empresa em termos de aprendizado e entender como elas poderiam ser sanadas por meio da universidade corporativa.
  • Fazer um plano de cursos e um plano de aula, detalhando o que vai ser ensinado, porque isso será ensinado e como isso vai ser feito.  

Conte com bons recursos tecnológicos.

Após ter estudado o contexto de sua empresa e decidido realmente implantar uma universidade corporativa, é importante ter em mente que a maior parte do conhecimento nessas instituições é transmitido no modelo de EAD, utilizando ferramentas, como vídeos online, reuniões ao vivo ou outros.

Portanto, é importante estar preparado para lidar com isso e escolher as melhores opções em tecnologia, que garantam segurança, escalabilidade e qualidade para o material da sua universidade.

É preciso ter um cuidado especial inclusive com a hospedagem dos conteúdos em vídeo, para garantir que eles estejam protegidos e que possam ser distribuídos sem problema para todos os colaboradores da empresa. Plataformas do mercado, como o Samba Vídeos, por exemplo, podem te ajudar a garantir todos esses e outros pontos e fazer com que sua universidade seja realmente eficiente e profissional.

Se você quer saber de forma detalhada como produzir treinamentos empresariais usando vídeo, vale a pena conferir nosso material completo sobre o assunto. Basta clicar no link ou na imagem abaixo para baixar gratuitamente!

criar treinamentos corporativos em video

Incentive o compartilhamento de conhecimento.

Uma Universidade Corporativa deve ter como maior imperativo o compartilhamento de conhecimento entre os alunos de diferentes setores e com diferentes especializações dentro da empresa. Essa troca de conhecimento e know-how vai fazer com que todos os colaboradores tenham uma visão mais ampla da empresa e seus processos, facilitando a implantação de inovações e o trabalho em grupo por objetivos em comum.

Sem isso, sua Universidade irá perder muito em eficiência e pode acabar falhando como ponto estratégico da empresa.

Para incentivar e manter o compartilhamento de conteúdo na empresa, algumas táticas podem ajudar:

  • Promover tarefas em grupo envolvendo pessoas de diferentes times.
  • Abrir um chat, fórum ou permitir comentários e discussões no ambiente de consumo das aulas.
  • Criar um blog compartilhado, para compartilhamento dos novos conhecimentos e experiências do time.

Escolha uma plataforma especializada.

A plataforma EAD é a base um um bom projeto de universidade corporativa. De nada adianta investir em criar treinamentos online de impacto se o público não engajar com eles, certo? Por isso, é necessário escolher uma plataforma que estimule o compartilhamento de informações e que tenha uma interface amigável para o usuário.

Se antes essas plataformas eram as tais LMS, hoje, as LXP já se mostram como a solução mais adequada para projetos de universidades corporativas em EAD.

Se você quiser conhecer um pouco mais sobre uma plataforma LXP que dê excelentes resultados, clique aqui e veja mais sobre o assunto.

Mensuração de resultados.

Mais do que investir na ideia e implantar a universidade em sua empresa, é preciso mensurar os resultados, sejam eles numéricos ou não, e ponderar se a instituição está realmente atingindo seus objetivos, ou em que precisa melhorar.

Pode parecer um pouco difícil mensurar alguns dos pontos que os treinamentos vão ajudar a otimizar, já que muitos serão qualitativos mas, por isso mesmo, você, os gestores e o próprio setor de Recursos Humanos devem trabalhar próximos aos colaboradores durante o processo.

Além disso, algumas perguntas podem te ajudar na hora de fazer essa mensuração. É importante entender como cada treinamento tem impactado a motivação e engajamento dos colaboradores, o crescimento técnico de cada um, a melhora (ou não) do trabalho em equipe e da produtividade de cada time e, é claro, o aumento de visibilidade e da melhora dos resultados da sua empresa.

Normalmente, as empresas aproveitam suas pesquisas de clima, avaliações de desempenho ou mensurações periódicas de resultados para entender qual está sendo o impacto da universidade corporativa, mas é interessante pedir também para que as pessoas respondam a formulários ou pesquisas específicas a respeito das aulas, da forma como o conteúdo tem sido distribuído, dos professores e o que mais você achar necessário.

Isso tudo vai te ajudar a ser cada vez mais assertivo com os cursos e a gerar cada vez mais benefícios e resultados melhores para a instituição.

Conclusão.

Uma Universidade Corporativa, mais do que apenas mais um investimento em treinamento e capacitação, é uma forma de consolidar a cultura empresarial e educacional existente e levar o aprendizado interno a um outro patamar. Portanto, é necessário muito cuidado e cautela na hora de planejar e criar essa instituição para que ela não acabe sendo um tiro no pé e represente um grande prejuízo para toda a empresa e também para os colaboradores.

E é exatamente nisso que os vídeos online podem te ajudar! Ao apostar na estratégia da universidade corporativa tendo como base o EAD e a distribuição de conteúdos pela internet, você conseguirá excelentes resultados com um custo de implementação e manutenção da estrutura muito menor.

Se você quer se aprofundar mais no assunto e entender tudo sobre o uso de vídeos na educação corporativa, vale a pena ler também nosso material completo sobre o assunto. É só clicar aqui ou na imagem abaixo para baixar gratuitamente!

treinamento corporativo universidade corporativa
Por: Nathália Tameirão

Coordenadora de Marketing Digital na Samba Tech e especialista em SEO e conteúdo. Formada em Publicidade e Propaganda pela UFMG, é responsável pela estratégia de conteúdo da Samba, com foco em atração e conversão.

Contribua com este post nos comentários