Web Analytics: qual a importância de usar dados para construir um negócio de sucesso.

Web Analytics: qual a importância de usar dados para construir um negócio de sucesso.

Uma decisão estratégia só deve ser tomada se ela for baseada em dados! Para tomar decisões mais assertivas, use o web analytics a fim de te embasar com dados e melhorar consideravelmente os seus resultados. 

É essencial que uma empresa possua uma boa estratégia de web analytics para conseguir crescer e se desenvolver mais rapidamente, afinal de contas os dados gerados podem ajudar você e o seu negócio a fazerem investimentos de marketing mais inteligentes e bem direcionados. 

Neste artigo, vamos te apresentar o mundo do web analytics e mostrar como usar os dados coletados para melhorar a sua estratégia de marketing e o seu negócio como um todo.

O que é web analytics?

Diariamente as pessoas espalhadas pelo globo geram dados diversos de comportamento e de consumo. Quando um consumidor realiza determinada ação, no mundo online ou no mundo offline, dados são gerados e catalogados. 

Ser capaz de realizar uma análise dos dados coletados de forma organizada e efetiva para conseguir compreender o comportamento e os perfis da sua audiência é primordial para que uma empresa consiga realizar ações mais direcionadas, além de conseguir tomar decisões estratégicas de forma mais segura. É aí que entra o web analytics!

Para coletar e estruturar os dados no ambiente online da sua empresa, como no seu e-commerce ou blog, ou através de ferramentas externas de Big Data, a fim de analisar dados e tomar decisões mais certeiras. 

Com isso, o web analytics te ajuda a melhorar o seu produto e estratégia, tudo com base em dados oriundos de resultados anteriores. Um teste já foi feito anteriormente e comprovou determinada hipótese? Aplique o resultado para ter uma melhor conversão no seu site e viva a mágica do web analytics! 

O web analytics na estratégia de marketing.

Olhando para o âmbito do marketing, o web analytics ajuda na tomada de decisões quanto às ações a serem realizadas. Sendo assim, é possível orientar campanhas e ações através da análise de dados de acordo com experiências e testes vivenciados no passado. 

Quando se fala em marketing, muitas vezes se fala em investimento financeiro, sendo assim, é preciso alocar o dinheiro no lugar certo. O direcionamento do investimento que é feito por meio de um trabalho analitico dos dados, ajuda a fazer uma aplicação mais inteligente, executando estratégias mais assertivas. 

A internet é fonte de milhões de informações. Muitas vezes, elas estão perdidas e não ganham seu devido valor por não serem analisadas. Com o avanço da tecnologia, é possível captar e entender, por meio de dados, o comportamento dos consumidores, auxiliando na hora de segmentar campanhas de marketing, por exemplo.

Quando mais dados você tem, mais você entenderá do seu cliente e mais capaz de oferecer o produto certo, na hora certa, você será. 

Além disso, o web analytics pode auxiliar na produtividade de uma equipe de marketing, uma vez que os profissionais conseguem tomar decisões mais previsíveis. Mas lembre-se: de nada adianta ter um monte de dados se você não sabe usá-los! É muito importante ter uma capacidade analitica para fazer as perguntas certas, assim os dados te darão uma resposta correta. 

Principais métricas do web analytics.

Mas e na hora de colocar a mão na massa, quais são as principais métricas que quem está começando um trabalho de web analytics precisa acompanhar? 

É importante que você saiba que as métricas a serem analisadas vão variar de empresa para empresa de acordo com os objetivos de cada organização. Algumas empresas vão acompanhar determinadas métricas, outras instituições terão de acompanhar métricas diferentes. Porém, existem alguns números que são tão importantes e universais que todas as empresas devem acompanhar sempre. 

Para responder a questão que inicia este tópico, nós separamos as duas principais métricas e uma descrição de cada uma delas abaixo, veja! 

Custo de Aquisição por Cliente (CAC).

O Custo de Aquisição por Cliente, popularmente conhecido por sua abreviatura CAC, é uma simples conta matemática que mostra o valor que a empresa pode pagar para adquirir um novo cliente. 

Chegando ao CAC do seu negócio, ou seja, o valor que você pode investir para trazer um novo consumidor para dentro de casa, será possível pensar quais são os melhores investimentos para alocar o seu orçamento. 

Pense que você pode pagar até 15 reais para adquirir um novo cliente, seu CAC é de R$ 15. Se você estiver investindo em anúncios no Facebook e em produção de vídeos para internet ao mesmo tempo e perceber que no Facebook seu CAC é de 16 reais e os vídeos te dão um CAC de 13 reais, quer dizer que os anúncios estão te dando prejuízo, enquanto os vídeos estão sendo lucrativos. Sendo assim, compensa investir mais em um do que no outro. 

Para calcular o seu Custo de Aquisição por Cliente divida o investimento que você faz em aquisição, pela quantidade de novos clientes, veja: 

CAC = Investimento em aquisição de clientes / Quantidade de novos clientes

Lifetime Value (LTV).

Outro termo bastante comum que você deve ficar de olho é o Lifetime Value, ou LTV. O LTV representa o valor que um cliente seu traz para a empresa no período em que ele permanece sendo cliente. 

Sendo assim, o LTV mostra quando um cliente vale para você durante o período de tempo que vocês têm um relacionamento. 

Para calcular o LTV é importante saber o ticket médio e a média de tempo que um cliente passa utilizando os seus produtos ou serviços. 

Imagine que o seu ticket médio é de R$ 1000 e que o seu cliente tem um relacionamento de 9 meses com a sua empresa. Sendo assim:

Ticket médio (R$ 1000) x Média de tempo (9 meses) = LTV de R$ 9000. 

Isso quer dizer que cada cliente tem um valor de 9000 reais para a sua empresa. 

Ao comparar o LTV com o CAC será possível analisar se você está gastando mais para trazer um cliente do que ele está rendendo de receita para a sua empresa. Fique de olho nisso! 

Conclusão.

A análise de dados se mostra cada vez mais efetiva para conquistar novos clientes e manter um bom relacionamento e conversão dos atuais clientes de uma empresa. 

Se você já coleta informações dos seus clientes, o primeiro passo foi dado. Agora é preciso utilizar essas informações de forma que elas sejam úteis não só para a empresa, mas também para o cliente, para que ele receba anúncios, conteúdos e comunicações mais direcionadas. 

Através de uma correta estratégia de web analytics você será capaz de otimizar as suas verbas e criar campanhas mais assertivas. Para isso será necessário ter um bom entendimento da jornada de compra do seu cliente e estabelecer um relacionamento saudável com ele. 

Lembre-se de que somente ter dados não adianta nada, é preciso saber usá-los! Faça as perguntas certas e os dados te mostrarão o melhor caminho!

Aproveite para começar logo e tirar sua ideia do papel! Comece por um plano de marketing bem estruturado e efetivo. Aqui, você consegue baixar um template editável, passo a passo, para você criar um excelente plano de marketing digital. Confira:

template editável para plano de marketing digital


Por: Débora Gomes

Especialista em marketing inbound e responsável pela estratégia de conteúdo do Blog da Samba. :)

Contribua com este post nos comentários